Capa / Notícias / Lançamento da campanha contra hanseníase em Marituba/PA
campanha-hanseniase-2016-marituba-7

Lançamento da campanha contra hanseníase em Marituba/PA

Recebemos dos nossos parceiros da Unidade de Referência Especializada (URE) em Dermatologia Marcello Candia de Marituba/PA, e com muito prazer publicamos o seguinte release.

A hanseníase é uma doença infectocontagiosa causada pelo Mycobacterium leprae, de caráter crônico e com potencial incapacitante que necessita de diagnóstico precoce. Mas, apesar dos avanços registrados nas últimas décadas, a doença continua sendo um problema grave de saúde pública no Brasil, Pará e Marituba.

Em função disso, desde 2013, o Ministério da Saúde tem orientado os municípios a aderirem a Campanha Nacional de Hanseníase, Verminoses, Tracoma e Esquistossomose. Objetivando reduzir a carga parasitária de verminoses, identificar casos suspeitos de hanseníase encaminhar os casos e seus contatos positivos para tratamento, da rede pública de ensino dos municípios prioritários.

O município de Marituba aderiu a Campanha Nacional, que foi lançada o dia 15 de setembro de 2016, e irá desenvolver ações para o diagnóstico precoce de hanseníase e tratamento quimioprofilatico de verminoses em escolares na faixa etária de 05 a 14 anos, em 49 escolas públicas e conveniadas da rede municipal de ensino. A Campanha municipal seguirá o modelo sugerido pelo Ministério da Saúde, de entrega aos pais/responsáveis de escolares, das fichas de autoimagem, que deverão ser preenchidas após avaliação em seus filhos. Caso haja sinais e sintomas da hanseníase, os escolares serão encaminhados para as Unidades de saúde. No caso das verminoses, aos pais/responsáveis será entregue uma ficha de autorização, para que os mesmos possam autorizar que a seus filhos seja administrado, albendazol.

A realização de ações integradas no ambiente escolar proporciona excelente oportunidade de atingir o maior número de crianças em razão do numero de crianças e adolescentes nesse ambiente. Esta é uma estratégia, utilizada internacionalmente, com evidências de redução dos custos de tratamento e potencialização dos resultados da intervenção. Além disso, as estratégias de integração das ações voltadas para essas endemias no âmbito escolar possibilitam a integração de profissionais de Saúde e de Educação. Neste contexto, o papel dos profissionais da Estratégia de Saúde da Família, das Unidades Básicas de Saúde e profissionais da Educação é de fundamental importância para o desenvolvimento das ações propostas para a Campanha.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Check Also

Laboratório atua na erradicação da hanseníase até 2020

O controle da hanseníase ainda é falho no Brasil, onde são registrados anualmente, cerca de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *